“E se amanhã o medo” de Ondjaki

Já não é a primeira vez que cito ou falo de Ndalu De Almeida, mais conhecido por Ondjaki, poeta e escritor angolano. E não será certamente a última!

Embora diversa do livro “Os da minha rua”, a leitura dos contos “E se amanhã o medo” levou-me até a um mundo de impressões de uma profunda leveza. A sensação é a de flutuar pelo viver. Ondjaki transcreve na perfeição aquilo que às vezes nem tenho consciência de vivenciar. Ler Ondjaki avulta-me os sentidos.

Se ler também é viver, aceitem esta experiência literária para que o vosso ler não seja “gesto que, nem lento nem precipitado, parecia ser coisa de sedimentada habituação”.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s