Maria Isaac e o hábito de contar histórias

Escrever - Palavra da Autora Maria Isaac

O meio rural onde cresceu viu-lhe nascer o hábito de contar histórias. Inspira-se no que a rodeia e, numa primeira etapa, escreve por impulso, ao sabor da inspiração. Depois… bem, vou deixar-vos descobrir a nossa convidada de hoje, Maria Isaac, assim como o incentivo que deixa aos amantes da escrita.

O que te deu vontade de escrever livros?

Tenho o hábito de contar histórias a mim própria, desde sempre.

As minhas memórias de infância estão cheias de noites em que me adormecia a mim própria a inventar histórias.

Não tenho irmãos e a leitura entrou bastante tarde na minha vida. Cresci num meio muito pequeno em que pouco havia para fazer e nada mais interessante do que imaginar e jogos de faz-de-conta. E como não poderia deixar de ser, ao longo dos anos algumas das histórias que inventava destacaram-se como favoritas. Na adolescência comecei a aperceber-me de que por mais que gostasse delas, as ia esquecendo. Foi aí que comecei a escrevê-las. Tarde demais para salvar muitas delas, mas continuo a esforçar-me para o compensar com histórias novas.

Onde encontras a inspiração?

No que me rodeia, em especial, nas pessoas.

Não importa se são pessoas próximas ou desconhecidas, qual o laço emocional que eu tenha com elas, as pessoas despertam a minha curiosidade e imaginação de forma hipnótica. É mais forte do que eu.

O que retratam os teus livros?

As histórias pelas quais vivemos.

Sejam estas histórias aquelas que contamos a nós próprios sobre quem somos e o que vivemos, as que justificam as escolhas que fazemos, seja elas sobre o mundo que nos rodeia e como interagimos com ele. Ou seja, como vemos o mundo e como construímos a nossa versão dele.

Que eventos da tua vida te marcaram e, por consequência, se refletem no que escreves?

Sem dúvida que ter crescido num meio rural é o meu alicerce.

Tenho uma forma introspectiva de viver e isso reflete-se na minha escrita. O cenário rural é predominante até este momento. Mas não será assim para sempre. Aquilo que acredito que se irá manter é a observação e empatia pelo Outro.

Hábitos de escrita: Onde escreves? Em que momento do dia? Quanto tempo dedicas à escrita?

Não tenho muitos hábitos no que respeita à escrita.

Ela acontece em vagas, sem disciplina.

Sou levada por apetites. Talvez haja apenas um, o gosto de escrever à mão. Tenho sempre um daqueles cadernos de capa preta formato A5 no qual vou dando forma à história e depois aos capítulos, só mais tarde passo para o computador, quando passo a ter uma abordagem mais crítica e menos criativa ao que escrevi.

Improvisas à medida que escreves ou conheces o fim antes de escrever?

Escrevo em duas fases.

Primeiro levada pelo impulso, ao sabor da inspiração e sem grandes preocupações sobre coerência ou forma.

A segunda com maior intenção de tornar a história mais clara e disciplinar a escrita.

Qual é o teu livro preferido?

Isso é como escolher um pôr-do-sol favorito, impossível de me decidir apenas por um.

Mas posso partilhar o mais recente na minha lista de favoritos. Terra Sonâmbula de Mia Couto.

E, por fim, uma breve mensagem de incentivo para quem gosta de escrever e pretende publicar.

A mensagem que posso deixar a quem gosta de escrever tem de começar por comemorar este gosto partilhado pela Palavra, que proporciona a quem o sente, um propósito, um sentido de vida.

A publicação é apenas um desejo que nasce dessa paixão, não o contrário,

e por isso nunca devemos permitir que a rejeição por parte das editoras ou impossibilidade da publicação ponha em causa continuar a escrever. O incentivo que deixo é lembrar a cada um de vocês que ninguém conseguirá escrever o que vocês têm para escrever. Ou ainda mais simples do que isso: Se não escreveres as tuas palavras, elas nunca existirão.

 

Muito obrigada, Maria!

Podemos continuar a acompanhar o trabalho da autora Maria Isaac:

E, para quem ainda não leu o novo livro da Maria Isaac, podem ouvi aqui o primeiro capitulo pela voz da própria autora:

O 1º capítulo do novo livro: https://www.youtube.com/watch?v=VVpYXGMBrFc

Os livros da autora Maria Isaac

 

Escrever - Palavra da Autora Maria Isaac
O mais recente livro de Maria Isaac

 

Escrever - Palavra da Autora Maria Isaac
O primeiro livro de Maria Isaac

2 Comments

  1. Mais uma entrevista fantástica! Adoro o teu projeto “Escrever — Palavra de Autor(a)”, aprendo imenso sobre os autores e os seus hábitos de escrita. Sinto que os conheço melhor depois de ler as suas entrevistas.
    Muito obrigada por este conteúdo maravilhoso!
    Um beijinho!

Deixe uma resposta

*